Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Mais resultados...

Refletir

Você é doutor(a)? Tem certeza disso?

Existe um egocentrismo que não cabe neste planeta ou até um desconhecimento, pois as pessoas em geral possuem o costume de seguir as outras, fazer o que os outros fazem sem ao menos saber o porquê disso, apenas viram seguidores zumbis da sociedade. Há muitos anos percebo como as pessoas, Leia mais…

Por Tales, atrás
Poesia

A batalha da vida

Não é fácil, nada fácil. Por que nunca nos foi dito? Se soubéssemos o quão duro seria, sucumbirmos numa jornada árdua? Prazer, emoção, (a)r(dor)… Perigosa a um fio do limite da razão e emoção! Um teste perigoso que poucos estão preparados. Um teste em que tudo que depende ou de Leia mais…

Por Tales, atrás
Poesia

Novo dia, novo começo

Às vezes penso que tudo se perdeu, Que minha luta cessou, Que meu dia não valeu, Que o mundo foi injusto comigo. De repente, os pensamentos mudam Percebo o quanto sou forte, O quanto consigo lutar e ir além… Além de onde não pensei que chegaria! O meu desafio se Leia mais…

Por Tales, atrás
Poesia

Ser quem sou

Da honestidade e do caráter do outro, Podemos comprovar determinação de um momento. O puro Ser, Não se corrompe pelo acaso, Não se corrompe pelo momento importuno, Não se vende ou se deixa levar pelo qualquer. Não! Quem sabe quem é, Não se contamina, Não se troca pelo prazer momentâneo, Leia mais…

Por Tales, atrás
Poesia

Tales e Shakespeare

…E em conjunto com outro ser pensante, Vou tecendo duas teias, Em um objetivo nada conflitante. E apesar da vida ser assim… Só “depois de algum tempo você percebe a diferença”. Que em nossos olhos amargos Não podemos enxergar, “a sutil diferença entre dar a mão e acorrentar uma alma”. Leia mais…

Por Tales, atrás
Diversos

QUEIXAS E RESSENTIMENTOS

Por Eckhart Tolle O ego adora reclamar e se ressente não só de pessoas como de situações. O que podemos fazer com alguém também conseguimos fazer com uma circunstância: transformá-la num inimigo. Os pontos implícitos são sempre os mesmos: “isso não deveria estar acontecendo”, “não quero estar aqui”, “estou agindo Leia mais…

Por Tales, atrás
Diversos

A Casa dos Numeros – AIDS

Documentário de 2009, que poucas pessoas viram ou tem conhecimento. Apenas assistam e tirem suas próprias conclusões.   SIDA, A Casa dos Numeros – AIDS, House of Numbers (2009) Legendado PT from MDDVTM TV3 on Vimeo.

Por Tales, atrás
Poesia

Padrão

Sabemos tão pouco do que possa acontecer Que acabamos por envolver todos a nossa volta. Talvez com o propósito apenas de nos agradar, Fantasiar uma linda história de amor com um perfeito final Com personagens lúcidos Perfeitos, Tanto quanto podemos imaginar. Invocamo-nos, Partimos e nos iludimos toda uma vida para Leia mais…

Por Tales, atrás
Diversos

Carta para o banco Itaú sobre taxas abusivas

Esta carta foi enviada ao Banco Itaú, porém devido à criatividade com que foi redigida, deveria ser direcionada a todas as instituições financeiras. Tenho que prestar reverência ao brasileiro(a) que, apesar de ser altamente explorado(a), ainda consegue manter o bom humor.

Poderia ser dirigida a qualquer banco brasileiro. . .

Senhores Diretores do Banco Itaú, Gostaria de saber se os senhores aceitariam pagar uma taxa, uma pequena taxa mensal, pela existência da padaria na esquina de sua rua, ou pela existência do posto de gasolina ou da farmácia ou da feira, ou de qualquer outro desses serviços indispensáveis ao nosso dia-a-dia.

Funcionaria assim: todo mês os senhores, e todos os usuários, pagariam uma pequena taxa para a manutenção dos serviços (padaria, feira, mecânico, costureira, farmácia etc). Uma taxa que não garantiria nenhum direito extraordinário ao pagante.

Existente apenas para enriquecer os proprietários sob a alegação de que serviria para manter um serviço de alta qualidade.

Por qualquer produto adquirido (um pãozinho, um remédio, uns litros de combustível, etc...) o usuário pagaria os preços de mercado ou, dependendo do produto, até um pouquinho acima. Que tal? (mais…)

Por Tales, atrás
Diversos

Qual o objetivo de amar?

A vida é algo que passa diante de nossos olhos de forma tão rápida que não conseguimos adquirir tal controle. Pensamos, muitas vezes, que estamos no controle, bastando seguir o fluxo e levar a vida. Algo ilusório que possa nos prender por algum tempo, iludindo-nos, iludindo sentimentos, iludindo o amor. Leia mais…

Por Tales, atrás
Diversos

O bloqueio da mente humana através da religião impede o desenvolvimento do ser humano

Religião, “(...) deriva do termo latino "Re-Ligare", que significa "religação" com o divino. Essa definição engloba necessariamente qualquer forma de aspecto místico e religioso, abrangendo seitas, mitologias e quaisquer outras doutrinas ou formas de pensamento que tenham como característica fundamental um conteúdo Metafísico, ou seja, além do mundo físico.”

Retornando um pouco na história, cerca de 5 a 20 mil anos a.c, pode-se constatar que os povos mais antigos eram adoradores de deuses, como os assírios, babilônios, egípcios, sumérios, dentre outros. Existem pesquisas sobre essas grandes civilizações que acreditavam piamente em deuses.

Pode-se compreender o porquê dessas gigantescas civilizações acreditarem que esses seres eram deuses, diferente e possuíam uma tecnologia infinitamente mais avançada que a civilização da época. Temos construções monumentais que até hoje estão aprumadas, como as famosas pirâmides de Gisé, as quais muitas pessoas, ainda, acreditam que o homem as construiu. Cientistas tentam obter provas, criando engenharia reversa para tentar explicar que tais monumentos foram construídos pelo homem, tentam induzir a mente humana a seguir uma trajetória, que pode não estar correta. (mais…)

Por Tales, atrás