Fone fácil Bradesco, a facilidade de se irritar com um serviço de amargar

14 de dezembro de 2015

Há uma semana tive problemas com o atendimento da Caixa, que não está nem ai para o consumidor, porém, os atendentes chegam a conversar, mesmo que seja de forma irritadiça. Porém hoje foi bem mais “interessante”! Descobri a DigiConta, uma conta que o Bradesco oferece sem custo algum, mas não entrarei em mais detalhes agora, deixarei para um próximo post o qual irei explicar mais detalhadamente como funcionam as contas grátis que alguns bancos disponibilizam.

Sou correntista do Bradesco já faz alguns anos e hoje descobri a DigiConta e fiquei interessando em migrar para ela, como já sou cliente, as coisas devem ser mais simples. Tratei de ligar para o Fone fácil – deixo um ressalvo aqui, poderiam mudar o nome para Fone impossível – cujo número é o 4002 0022.

A primeira vez que liguei, tive um game over, não adiantou, perdi o jogo em dois minutos e a ligação foi encerrada, pois não existia a opção no menu que eu gostaria e a URA encerrou a minha ligação, fantástico, não?

Imagine a seguinte situação, hipotética, você liga para um hospital e cai em uma atendente virtual, que diz:

– Bem vindo ao Hospital Fácil, me diga o que deseja?
Já desesperado você grita: – Me passa para um atendente, estou morrendo, tendo um infarto!
– Certo, mas para que eu possa direcionar a chamada para o atendimento correto, eu preciso saber, primeiro, o motivo da ligação, por favor!
– Sofrendo um infarto, socorro…
– Exame de endoscopia, correto?
– Não, estou infartando, morrendo, me passa para um atendente!
– Desculpe por não entender sua solicitação, vamos tentar de outra forma. Por favor, fale uma das seguintes opções: Radioscopia, quimioterapia, ressonância magnética, tomografia ou informações!
– Informações!
– Entendi, informações! Informações sobre radioscopia, quimioterapia, ressonância magnética ou tomografia?
– Atendente, atendente, aten…
– Não compreendi senhor, a sua chamada será terminada, ligue novamente.

Depois desse pequeno exemplo, ouçam o áudio da gravação que fiz para o Bradesco e veja como a Bruna Cristina, que me atendeu as 20:46 do dia 14/12/2015, me ignorou na mesma hora quando eu disse que gostaria de saber como migrar a minha conta para a DigiConta. Logo em seguida ela me deixou em uma música por cerca de apenas 40 minutinhos. Logo em seguinte retorna a URA perguntando as mesmas opções do menu e a ligação cai.

O motivo que fui ignorado é que, a DigiConta é totalmente gratuita e o banco não lucra com isso, ou seja, não há interessa para eles, mas de acordo com a RESOLUÇÃO Nº 3.919 do Banco Central, é obrigação do banco oferecer tais serviços.

Áudio do atendimento:

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.